Academia de Sumaré garante 3 vagas no mundial de Hapkido

A academia AMG fundada em 2010 pelo professor, atleta, árbitro e sócio-propiretário Marcus Gomides surgiu como um sonho de difundir a modalidade no Brasil. E tem dado certo, a academia vem se destacando no cenário internacional ao garantir 3 atletas no Campeonato Mundial de Hapkido que será realizado nos próximos dias 13 e 14 de Agosto na Tailândia.

            Em 2009, Marcus trouxe a modalidade à cidade e vemos que o sucesso da academia não é ao acaso; A instituição é filiada IBH – Instituto Brasileiro de Hapkido – com sede em Piracaia, cujo presidente é o Mestre Raul Braga Freire; E tem participado de diversos eventos que vai desde campeonatos a níveis estadual, nacional e internacional até seminários, congressos, cursos técnicos e de arbitragem.

 

            Os faixas pretas da academia AMG são árbitros de nível internacional, titulação concedida em curso realizado em 2015, na cidade de Piracaia, ministrado pelo Grão-Mestre Hee Kwan Lee, coreano radicado no EUA, Presidente da GHA – Global Hapkido Association – Órgão Internacional com sede nos EUA, ao qual somos filiados e organizará o Campeonato Mundial de Hapkido que irão disputar.

            Conheça um pouco os 3 atletas que irão representar o Brasil na competição:

            Marcus Gomides: 39 anos – Faixa preta 2º dan, praticante de Taekwondo desde 1991, e Hapkido desde 2004, Professor de educação física e pós-graduado em treinamento desportivo, entre os títulos mais importantes está a medalha de prata no mundial realizado em 2013 na Coréia do Sul, país de origem da modalidade. Evento este que contou com a participação de mais de 16 países e 1200 atletas de todo o mundo, a delegação brasileira que foi composta por 11 atletas ficou também em 2º lugar na classificação geral.

          

 

 

  Fernando Garcia – 24 anos – faixa preta 1º dan, praticante de Hapkido desde 2010, tri-campeão do circuito IBH de Hapkido na modalidade combate da categoria adulto acima de 90kg. Além disso, é instrutor de boxe, formado pela liga sorocabana, e um dos instrutores da GTT/AMG, professor de educação física, e não para por ai, o atleta levou o esporte à escola e seu trabalho de graduação foi sobre a modalidade.

 

           

 

 

Mateus Toffoli – 26 anos – faixa preta 1º dan, praticante de Hapkido desde 2011, campeão do circuito IBH 2015, categoria adulto ate 65kg, nas modalidades combate e técnica de defesa pessoal, um dos instrutores da GTT/STARTBOX, também praticante de boxe.

 

            A delegação Brasileira será composta por aproximadamente 20 atletas de várias cidades, Piracaia, Atibaia, São Paulo e Sumaré, liderados pelo mestre Raul, que é o líder e mestre na arte, com mais de 30 anos de pratica.

 

 

(Por: Dias, J.C.)