Mestre Andre do Grupo Capoeira Basã fala um pouco sobre "A importância da capoeira nos torneios"

A importância da capoeira nos torneios

Realmente o esporte é a melhor caminho para ajudar que crianças, adolescentes e adultos fiquem longe do mundo das drogas.

O esporte contribui para formação de um cidadão consciente de suas responsabilidade e deveres.

A capoeira é um dos esportes que de forma completa orienta e reeduca a pessoa como um todo.

A capoeira evoluiu tanto que hoje em dia é praticada com torneios em todas as regiões do mundo, sem distinção de sexo, idade, origem étnico ou até mesmo condição sócio-econômica. Devido a essas características multifacéticas, chegou a ser incluída como parte da formação de atores e dançarinos, adaptada para servir como método de terapia à pessoas com necessidades especiais, participando em projetos de desenvolvimento social e como forma de superação e luta contra a pobreza. É um marco dentro da educação física para jovens, pois cada vez mais é valorizada como esporte e cultura em diversos países.

 

Dentro dos torneios também tem a modalidade com alunos que tem necessidades especiais, como a síndrome de down. A idéia é a integração de todas as pessoas e de todas as idades.

É uma manifestação genuína da cultura brasileira, que constrói um legado histórico importante gerando uma consciência social que contribui para o desenvolvimento de uma nação mais centrada e com bases sólidas.

Nos torneios faz um grande diferencial e para falar disso, o Mestre André deu uma grande orientação e explicação da importância da capoeira nos torneios.

Dois meses antes de começarem as competições ele separa os alunos que vão competir para que já iniciem um treinamento intensivo que justamente tem a duração desses dois meses.

Além disso são separados dois dias na semana para se focarem somente na competição.

 

A participação da capoeira contribui e gera no aluno mais expectativas sobre o esporte. Automaticamente é criado um certo incentivo a prosseguir praticando e persistindo na realização dos seus sonhos. Com isso ele aprende que mesmo com as dificuldade que encontramos no dia a dia, jamais devemos desistir, pois sempre haverá um espaço para que se possa lutar pelas conquistas.

Acompanhar essa evolução da capoeira e o reconhecimento, verá que não somente seguir um rotina semanal de acadamia-casa, jogar com amigos e fim. Ele pode ver que existem outros objetivos que são as competições, fazendo com que eles treinem mais que o habitual, se destaquem em algo que eles realmente gostam. Também podemos incluir os benefícios corporais, como a manutenção de uma boa saúde e melhoramento da coordenação motora.

A partir de um aluno que se motiva e pratica, os outros também farão, pois se sentirão motivados e cada vez mais jovens se motivarão a seguir um objetivo graças ao exemplo daqueles que já praticam.

 

Muitas universidades participam de forma ativa no apoio a esse esporte, por exemplo a Universidade Federal da Bahia, que vem apoiando há um certo tempo a Associação Brasileira de Capoeira Angola, que participou de uma mesa-redonda no Congresso realizado pela mesma universidade, intitulada: “Capoeira e UFBA: memória, produção acadêmica e perspectivas de articulação”.

 

A realização de Workshop também contribui bastante para a divulgação desse esporte. Várias associações e até mesmo os próprios praticantes de capoeira tem procurado informação e organizar eventos desse tipo para ajudar a população entender a importanção da prática desse esporte, conscientizando que através dele é possível uma mudança e realização pessoal.

 

Em alguns eventos é realizada uma programação personalizada com:

 

  • Videos sobre a capoeira e cultura;
  • Conferência com mestres conhecidos
  • Rodas de conversa com professores, mestres e jornalistas;
  • Temas tratados como: religiões africanas, a história da capoeira no Brasil, capoeira como esporte e o incentivo aos jovens;
  • Rodas de capoeira;
  • Oficinais culturais com professores e alunos;
  • Vivência da capoeira com diferentes mestres;
  • Sessões de fotos.

 

E quanto aos próximos jogos regionais?

Tem a Confederação Brasileira de Capoeira em Araras, interior de São Paulo, que é a responsável por definir qual será a próxima cidade que sediará os jogos nacionais. Eles procuram as escolas, as cidades e leva em consideração se é possível realizar o evento no local escolhido, principlamente se os atletas terão uma fácil localização de onde será realizado.

Nessa avaliação também é muito importante a participação e ajuda da prefeitura da cidade escolhida, pois facilitará bastante na decisão

 

(Por: Franciny Salles)